segunda-feira, 28 de abril de 2014

Em Nome de Deus

Não se pode dizer o nome de Deus em vão, todos já ouvimos isto. Podemos dizer o nome de Deus no vão de uma escada, mas só se houver uma razão forte para isso, como pedir chuva. A questão que se levanta é então: afinal como é que Deus se chama?

Eu acho que é Marlene. Deus tem tudo de Marlene. Ou Irene. Não sei bem mas julgo que acabará em "ene". Assenta bem. Ou então Herberto Capitolino. Porque não? Este até parece o mais adequado. Só não me acredito é que Deus se chame Vítor ou Joaquim. É nome de gente que descansava antes do sétimo dia e ainda pedia mais umas coroas pelo serviço eléctrico. Herberto Capitolino tem mais a ver com um tipo que faz montes e que está em todo o lado, a perseguir pessoas, a espiá-las no banho; alguém que está atento a tudo menos aos filhos, alguém que mete a mão por baixo do menino e do borracho. Esse alguém só pode ser Herberto Capitolino. 

Deus é Herberto Capitolino.

Sem comentários:

Enviar um comentário