segunda-feira, 28 de maio de 2012

Porque isto também é um blog de cultura

Nunca entendi o Pessoa, tudo bem que um gajo se desfaça em várias personalidades, assim é mais fácil compreender e anular as vontades paradoxais que nos vão e vêm tipo espirros mas porque caralho é que saiu dali o Ricardo Reis?

Porque é que o Fernando Pessoa tinha um heterónimo que era no fundo um medroso com ejaculação precoce e um fetiche por mãos? Não entendo foda-se: ai vamos fazer tudo devagarinho sem nunca arriscar porque quanto mais trepamos mais caímos. Que puta de treta. Se um gajo tiver que cair, até pode estar deitado no chão que há sempre qualquer coisa, um buraco mais fundo para malharmos indefinidamente.

Pior do que isto só mesmo o facto de este meu asco pelo Ricardo Reis não ser apenas asco de quem escreve por escrever.  Eu genuinamente odeio aquele bocado do Pessoa.

Como este post tem pouco a ver com o resto do blog, fiquem com a imagem mental do Cláudio Ramos a fornicar com o Manuel Luís Goucha. 

2 comentários:

  1. "Como este post tem pouco a ver com o resto do blog, fiquem com a imagem mental do Cláudio Ramos a fornicar com o Manuel Luís Goucha. "


    Man, eu não precisava disto!

    ResponderEliminar