segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Algo deve estar errado... As Deusas do Sexo

Não, isto não é um post sobre um filme pornográfico de freiras que fazem sexo com o deus dos Católicos.

Isto é sobre as senhoras que vêm para a Internet gabar as suas façanhas sexuais e de certa forma gozar com os homens que lá não as satisfizeram devidamente. Estes seres são autênticos deuses do sexo pela forma que escrevem e nunca, nunca estão satisfeitas.

Fascinante.

Por outro lado o papel da mulher no sexo não é propriamente de exigência olímpica, o do homem sim, porque a tem de satisfazer. Então estas deusas do sexo apenas precisam que as satisfaçam como deve de ser, logo, a não ser que sejam actrizes porno conceituadas, são uma bela farsa e o seu problema é não terem arranjado o pénis da vida delas.

Aqui funciona aquela história do "não arranjo um homem de jeito, são todos maus" e a minha resposta é a do costume: "para que é que um homem de jeito te ia querer".

Logo estas auto-proclamadas deusas do sexo não são mais do que mulheres descontentes com o simples facto de não encontrarem a pessoa certa e isso é o que lhes provoca a acefalia comum a todos os seres abandonados.

Mais fascinante ainda!
Eu a pensar que eram só um monte de putas e afinal não, são um monte de putas incompletas.
Viva o putedo!

10 comentários:

  1. Ou me engano muito, ou isto vai dar merda eheheh.
    Depois venho cá ver. lol

    ResponderEliminar
  2. por causa da existencia desse tipo de mulheres se criaram os objectos sexuais femininos como o vibrador x)

    ResponderEliminar
  3. Fresco e Fofo - Não me queres emprestar a moca?

    ResponderEliminar
  4. Anna: Não vale comentar ao mesmo tempo que eu! Elas não querem vibradores porque as que padecem deste tipo de doença vivem do mal que dizem dos parceiros sexuais, o facto de os achincalharem publicamente faz com que elas pareçam mais interessantes (na mente delas).

    ResponderEliminar
  5. Sabes que nós temos um grave problema: temos algo que se pode medir e cujo tamanho, em último caso servirá sempre para justificar o mau desempenho sexual delas, ou o baixo grau de satisfação mesmo que sejam frígidas e não saibam! A verdade é que há um egoísmo latente nelas. Há sempre mais preocupação em lhes darmos prazer do que o contrário. Tu chamas algumas de putas incompletas, eu chamo-as de putas egoístas! E a autoproclamação dos actos sexuais não é nada mais que fraca autoestima...

    ResponderEliminar
  6. só te digo isto: as mulheres que mais se gabam são aquelas que menos têm, que menos sabem fazer, as que menos fazem e que as mais querem!!

    ResponderEliminar
  7. Epá, este teu post deixou-me um bocado abananada x)...

    ResponderEliminar
  8. Em duas palavras: mal fodidas. É a frustração, meu caro.

    ResponderEliminar
  9. Senhor Geninho - Exactamente, daí eu compará-las ás moças que se queixam dos desamores e culpa todos os machos por não as amarem como deve de ser. É baixa auto-estima claramente.

    Vânia - Eu quanto a isso não me pronuncio, o meu problema é o modo como se referem aos homens, digno de uma prostituta que quebra o sigilo (se é que ele o há).

    Estudante - Qual é o teu problema com a banana? Também vais falar mal da banana?

    Dexter - Mas compreende-se, se forem feias um gajo bebe mais, se um gajo bebe mais o bicho funciona menos.

    ResponderEliminar
  10. Eu cá sempre ouvi dizer: que fala muito duma coisa, é porque não a faz de todo e está a tentar compensar a falta com paleio fiado! xD
    Bjs*

    ResponderEliminar