segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Algo deve estar errado... Transportes Públicos

Aumentar mais 15% em Janeiro, assim se fala.

Isto vai ser melhor que o "Peso Pesado", vamos ficar todos levezinhos, vai ser nos bolsos e se não for nos bolsos vai ser a andar a pé.  Quem é que usa os transportes públicos? Os abastados?


Não! Somos nós, os estudantes, os trabalhadores, os desempregados, os trabalhadores-estudantes. São os idosos. E os filhos da puta que armaram esta tenda, esses estão mais ricos.

Não acham que começa a ser demais? Sou eu o único.

9 comentários:

  1. É totalmente verdade. Sou estudante, e uso comboio e autocarro e bem sei, como tantos outros, o que me vai custar. É que ainda há quem precise mesmo dos transportes públicos para fazer a sua vida, já que nem todos têm uma frota e combustível pago por uma emprega milionária ou pelo Estado. E em Janeiro ainda vai aumentar mais a factura. É simplesmente ridículo e triste... Acho que vou fazer as continhas e mandar por carta aos senhores da Troika (que o Eng. - coff coff - Sócrates já não mas recebe) para eles me devolverem o meu rico dinheiro...
    Bjs*

    ResponderEliminar
  2. Felizmente ainda mantiveram os passes de Estudante. Por momentos tive medo que acabassem com eles - e atenção, é algo que não me afecta de modo nenhum.

    ResponderEliminar
  3. Nightwish - O problema é que a Troika só quer o dinheiro. Quem nos mete nestas alhadas são os senhores em quem votamos, o senhor Pedro e o senhor Vítor é que tentam a todo o custo mostrar vassalagem à Troika e à UE, quem se fode são os do costume.

    José Piçarra - Os passes dos estudantes se acabarem eventualmente vão ser uma enorme dor de cabeça para muito português. Eu não sei como é que eles vão fazer no futuro mas já espero tudo.

    Catarina - A dívida é deles e nós é que pagamos.

    ResponderEliminar
  4. definitivamente não és o único... eu, trabalhadora estudante, que sempre tive de trabalhar para poder estudar mesmo frequentando uma faculdade pública, sempre usei os transportes públicos, e faz-me muita diferença este aumento. a mim e a todos como eu, aos desempregados para irem a entrevistas, aos idosos, aos doentes, aos estudantes, aos trabalhadores...etc etc.

    ResponderEliminar
  5. sinceramente... acho um abuso. mas deixei me dessa preocupaçao. lamento por voces :)

    ResponderEliminar
  6. Filipa - Sempre a cortar no trabalhador.

    MarpaP - Eu tenho carro,estou a tirar a carta, conduzo apenas por aqui perto e não uso o popó para outras deslocações que não sejam levar a minha avó à farmácia ou algo de género (moro num cu de judas). Planeio ser trabalhador-estudante, sou apenas estudante neste momento e tinha fundos (meus) para o carro e para a carta, agora preciso para o resto, ainda assim, o Metro vai-me dar jeito porque é(ou era) barato, confortável e mais ecológico. Agora não sei até que ponto vai compensar usar transportes públicos.

    ResponderEliminar
  7. Então mas achas que eles iam cortar em quem? Nos que têm mais guito? Não, isso não está bem...então e as fériazinhas nas Maldivas? Não tarda nada têm que ir para o Algarve, queres ver? Assim não pode ser...

    ResponderEliminar
  8. De facto eles são chatos, depois chamam avionetas com mensagens a revoltarem-se porque ficaram um bocadinho mais pobres.

    ResponderEliminar