sábado, 11 de junho de 2011

Algo deve estar errado... Romantismo/Parolice

Há uma linha ténue entre o romantismo e a parolice, vou tentar mostrar isso.


Amor és vida para mim e tudo mais, és sol és lua, és a minha mais que tudo, és minha, és maravilhosa.

Isto foi parolo.

De facto poderia estar a fazer outra coisa qualquer neste momento, ainda bem que não estou.

Isto foi romântico. Digam o que disserem, não é preciso usar expressões mais que mastigadas para dizermos algo bonito, é preciso espontaneidade e um timing perfeito, logo uma frase aparentemente simples, pode ser de facto romântica.

Estou certo ou estou errado?

9 comentários:

  1. estais correcto, tens a minha bênção para dizer frases simples a moças de quem estejas apaixonado

    ResponderEliminar
  2. Obrigado iPlagiator, até que enfim que alguém defende os bons costumes!

    ResponderEliminar
  3. É por essas e por outras que acho o André Sardet um dos gajos mais bimbos e parolos da história musical portuguesa.

    ResponderEliminar
  4. estás muito certo... e ás vezes um silêncio no momento certo também é romântico! nem sempre as palavras são tudo, as acções são sempre muito melhores ;p

    ResponderEliminar
  5. Dexter : Até que enfim que alguém ataca o raio do André Sardet, que letras são aquelas? Parece o CD da Floribella volume 2.

    Vânia : É tudo uma questão de timing.

    ResponderEliminar
  6. Concordo contigo. Odeio lamechices...

    ResponderEliminar
  7. Concordo! Aquelas frases feitas são deprimentes.. E aquele costume que muita gente tem de falar com a sua cara metade num dialecto "abebezado"? "O meu fofuxo a minina goxta muito de tu!"

    Horrível.

    ResponderEliminar