sábado, 29 de janeiro de 2011

Algo deve estar errado... Histórias Infantis

Sim, histórias infantis, tenho dois anos portanto ouço muitas!


Capuchinho Vermelho


É mesmo violenta a história, só me apetece abrir a barriga a animais depois do que ouvi.
Tipo o lobo come a avozinha, ela fica viva lá dentro, depois vem o lenhador abre a barriga ao lobo (!), tira a avó e mete pedras lá dentro, fecha e lá vai o lobo.
Depois dizem que a juventude é burra e agressiva, pudera, com histórias destas!

O Patinho Feio

Se há coisa que posso observar é que os patinhos feios não viram cisnes na realidade, mas na história acaba tudo bem para o pequeno pato que afinal era cisne.
Da última vez que os patinhos amarelos puseram de parte um patinho feio nos Estados Unidos, o pequeno cisne que afinal só era um pato feio, matou-os a todos e suicidou-se a seguir.
Eu gosto de arroz de pato, a mãe corta tudo aos bocadinhos e sabe bem, mas uma vez engasguei-me e fiquei roxo, a mãe pensou que foi do pato mas foi duma ervilha.


Afinal não ouço assim tantas histórias mas fica o registo que são más.
Não gosto!

7 comentários:

  1. Há um mês que comecei com isto dos blogs e tá a ser giro, estou a gostar mesmo muito de os escrever. Este diverte-me, o outro é que já é diferente :P Gosto muito do teu já agora.

    ResponderEliminar
  2. eu estava na duvida se eras tu.. sempre pensei que tivesses 10 meses..
    este mundo é fofo!
    oh, obrigado :)

    ResponderEliminar
  3. Sabias que na versão original da Cinderela, as irmãs más cortavam os pés para poderem calçar o sapato?

    Isso explica as bulhas nos saldos e o não comer durante dois meses para caber num vestido de noiva x)

    ResponderEliminar
  4. Era muito melhor assim. As moças ceifavam as banhas e limavam a celulite em vez de terem este trabalho todo.

    ResponderEliminar